Segunda-feira, 13 de Agosto de 2007

...

 

O antigo largo onde se fazia a feira nos dias 13 e 26 de cada mês deu, finalmente, lugar a um jardim. Pena é que uma boa parte do espaço tenha sido ocupada com estacionamento. Enfim, quem de direito lá saberá por que carga de água foi decidida essa ocupação. Até parece que se luta com falta de lugares para estacinamento na cidade.

De qualquer modo, como as piscinas ao ar livre parece virem a ser inauguradas somente lá para as calendas gregas, sempre acaba de ficar à disposição dos valpacenses e dos visitantes um tanque com chuveiros (perdão... repuxos) que, entretanto, poderá ir substituindo as ditas.

Ah!, também já aumentou substancialmente o espaço arrelvado para os canídeos, os que estão à espera do canil intermunicipal e os outros, fazerem as suas necessidades. Que diabo, bem precisavam.

publicado por riolivre às 23:52

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 9 de Agosto de 2007

Valpaços - Capela de N.ª Senhora da Saúde

 

De vez em quando damos conosco a fazer algumas cogitações e, por associação de ideias, acaba sempre por vir à lembrança algo que, de outra forma, não seria lembrado nesse momento.

A verdade é que com a aproximação das festas em honra da Senhora da Saúde - as festas da cidade e do concelho, como gostam de lhe chamar - me lembrei da pequena capela que, durante cerca de uma centena de anos, serviu a preceito para as celebrações religiosas deste evento e que, há não muitos anos, se viu ensombrada por um mamarracho a que chamam santuário e com o qual alguém pretendeu substituir a modesta mas muito importante capelinha.

Pois bem, ontem, dia das festividades em honra de uma outra venerada da região, a Santa Comba, na serra do mesmo nome, ontem,  dizia, fez exactamente 110 anos que foi iniciada a construção da capela que a fotografia documenta.

Na obra de Valbel (Joaquim de Castro Lopo),  O Concelho de Valpaços (1954), pode ler-se: "Eleita, naquele dia, 24 de junho de 1897, uma comissão organizadora da nova confraria (Confraria de Nossa Senhora da Saúde), no dia 25 do mês seguinte arrematou-se a construção da capela, acnhado edifício que nada tem que o recomende, e dia 8 de Agosto assentou-se com solenidade a primeira pedra dos seus alicerces".

O lugar escolhido foi numa pequena elevação onde,eventualmente, terá existido a povoação de Valpaço-lo-Velho que para fugir a uma praga de formigas se terá visto obrigada a abandonar definitivamente o local e a procurar solução para a sua sobrevivência um pouco mais a oeste, no sítio que hoje constitui o casco da actual Valpaços.

Tudo teve a ver com o facto de haver uma antiga tradição com base na qual a mãe de Cristo teria aparecido nesse sítio, associado ao aparecimento de uma inscultura numa das fragas do local que o citado autor interpretou como "Pé de Senhora", "Pegada da Senhora" ou "Pes Dominae Salutis", relacionando-a com a tradição da invocação de Maria.

A partir de 1898 passou a festejar-se Nossa Senhora da Saúde, anualmente, noprimeiro domingo de Setembro, sendo que, há uns anos a esta parte, o dia da festa passou a ser no primeiro sábado de Setembro de cada ano.

publicado por riolivre às 15:14

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 1 de Agosto de 2007

Valpaços - Av.do Pinheiro Manso

 

Já é tempo de deixarmos de dizer que em Valpaços não há originalidade.

Todos sabemos como a PT e a EDP, duas empresas que, de facto, já foram de todos nós, ou seja, estatais, mas que passaram, bem ou mal não interessa para ocaso, para o sector privado - e quem é que não foi a correr, na altura, claro, inscrever-se para ganhar uns tostões com as acções da privatização? - todos sabemos, dizia, como parecem ser ainda detidas pelo estado quando continuam a fazer quase o que lhes apetece por esse país fora. nomeadamente, colocando postes em qualquer sítio, sem perguntar se podem ou não fazê-lo e, quando alguém questiona, leva a resposta que qualquer arrogante sabe dar.

Pois bem, a verdade é que ainda há cidadãos que, não podendo enfrentar o abuso de outra forma, recorrem a expedientes muito particulares e, sobretudo, muito originais.

Foi exactamente o que aconteceu com um morador da Avenida do PInheiro Manso, ali para os lados da chamada Zona Industrial, que, não podendo obrigar a PT a fazer o que devia (fazer chegar a linha telefónica a casa por via subterrânea) resolveu plantar uma trepadeira junto ao maldito poste e deixá-la ir tomando conta dele.

Ao menos conseguiu mitigar a agressão que o poste representava em termos estéticos.

tags:
publicado por riolivre às 23:38

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. NATAL 2015

. XXIII ENCONTRO DE FOTÓGRA...

. ...

. VALPAÇOS - PASSEIO LAGARE...

. ARRAIAL TRANSMONTANO

. É NATAL

. EXPOSIÇÃO DE PRESÉPIOS

. ILUMINAÇÃO DE NATAL

. Frio com força

. CASTMONTE 2013

.arquivos

. Dezembro 2015

. Maio 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Novembro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.tags

. todas as tags

.links

.visitantes

.Tempo

Weather Forecast | Weather Maps

.Lumbudus

.Lumbudus

http://farm5.static.flickr.com/4004/5152770955_66cb6367b4.jpg

.Lumbudus

http://farm5.static.flickr.com/4004/5152770955_66cb6367b4.jpg
blogs SAPO

.subscrever feeds